Concurso TRF3 tem novo edital publicado; 106 vagas em disputa

O Tribunal Regional Federal da 3ª Região, que compreende as Seções Judiciárias dos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul, divulgou o edital de abertura nº 8154853/2021 de seu concurso público que preencherá 106 vagas para Juiz Federal Substituto. O concurso TRF3 terá diversas etapas de avaliação, incluindo provas objetivas e de títulos.

Detalhes sobre o cargo em disputa

Das 106 vagas ofertadas para o cargo de Juiz Federal Substituto, 79 são de ampla concorrência, 6 para pessoas com deficiência e 21 para quem se declarar preto ou pardo.

Para concorrer às vagas, é necessário possuir bacharelado em Direito e três anos de atividade jurídica após a obtenção do diploma.

 

Inscreva-se no concurso TRF3

As inscrições serão realizadas entre as 12h do dia 25 de outubro e as 18h do dia 23 de novembro de 2021, somente via internet, pelo site do próprio Tribunal.

Para participar do concurso TRF3 é necessário efetuar o pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 220,00.

isenção da taxa de inscrição poderá ser solicitada pelo candidato que:

 
  • Pertencer à família inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), cuja renda familiar mensal per capita seja inferior ou igual a meio salário mínimo nacional ou for membro de família de baixa renda; ou
  • For doador de medula óssea em entidades reconhecidas pelo Ministério da Saúde.

Concurso TRF3: etapas de avaliação

Os candidatos inscritos no concurso público serão avaliados por meio das seguintes etapas:

  • Prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório;
  • Provas escritas, sendo uma discursiva e a outra de prática de sentença de natureza cível e de natureza criminal, de caráter eliminatório e classificatório;
  • Inscrição definitiva (sindicância da vida pregressa; investigação social; exame de sanidade física e mental; e exame psicotécnico), de caráter eliminatório;
  • Prova oral, de caráter eliminatório e classificatório;
  • Avaliação de títulos, de caráter apenas classificatório.

Prova objetiva

A prova objetiva terá duração de cinco horas e será realizada na data provável de 20 de março de 2022.

Os candidatos terão que responder 100 questões distribuídas em três blocos:

 
  • Bloco I: Direito Constitucional; Direito Previdenciário; Direito Penal; Direito Processual Penal; e Direito Econômico e de Proteção ao Consumidor;
  • Bloco II: Direito Civil; Direito Processual Civil; Direito Empresarial; e Direito Financeiro e Tributário;
  • Bloco III: Direito Administrativo; Direito Ambiental; Direito Internacional Público e Privado e Noções Gerais de Direito e Formação Humanística.

Serão aprovados nessa primeira prova os candidatos que acertarem pelo menos 30% das questões de cada bloco e nota mínima de 60% do total dessa prova.

Critérios de desempate

Para efeito de desempate prevalecerá a seguinte ordem de notas:

  1. Duas provas escritas somadas;
  2. Prova oral;
  3. Prova objetiva seletiva;
  4. Prova de títulos;
  5. Maior idade.

Edital do concurso público TRF3

Demais informações sobre o concurso público poderão ser obtidas no edital da seleção, publicado no site do TRF3.

 

Caso tenha alguma dúvida sobre o certame, entre em contato com o TRF3 pelo telefone (11) 3012-1000. O atendimento é das 09h às 19h, em dias úteis.

Leia também