Flagrante de roubo em Supermercado em Santa Rita

FLAGRANTE DE ROUBO EM ESTABELECIMENTO COMERCIAL (SUPERMERCADO)

29/04/2014 – 13h00

Av. Formoso, Bairro Bela Vista, Sta. Rita do Passa Quatro - SP

Vítima: um comerciante de 21 anos

Preso 01: T.O.S. - 21 anos, morador no Jd. Bela Vista

Preso 02: R.C.S. - 22 anos, morador no Jd. Bela Vista

Menor infrator: 17 anos, morador no Bairro São Luis

Policiais Militares do Rádio Patrulhamento da cidade de Santa Rita do Passa Quatro, CB PM Giovani, SD PM Bertoni, foram acionados para atendimento de um roubo ocorrido em um supermercado da cidade. Em contato com a vítima, foram passadas as características dos autores bem como foi visto um VW/Saveiro, cor vermelha, que supostamente teria sido usado para a fuga dos criminosos.

Durante patrulhamento com vistas aos indivíduos, os policiais localizaram o referido veículo ocupado por um maior e pelo menor infrator. Imediatamente foram abordados sendo localizado dentro do carro uma certa quantia em dinheiro, dois aparelhos celulares.

Os indivíduos assumiram a autoria do roubo e informando ainda, que a arma estaria com uma terceira pessoa. Com apoio de demais policiais da cidade: TENENTE PM Fachini, CB PM Pereira, CB PM Junior, CB PM Neves, SD PM Lencione e a viatura de Força Tática da cidade de Porto Ferreira: SGT PM Silva, CB PM Bibiano e SD PM Formenton, deslocaram-se até a residência do outro indivíduo, onde em vistoria em sua casa localizaram a arma utilizada no roubo, sendo um revólver calibre 38 com numeração raspada que estava escondido dentro de uma gaveta da pia, além do celular da vítima que foi encontrado e mais R$ 43,00 em dinheiro.

Diante dos fatos, os maiores receberam voz de prisão em flagrante e o menor voz de apreensão, onde foram conduzidos até a Delegacia de Polícia. O Delegado Dr. Eduardo H. P. Campos que responde também pela cidade de Santa Rita do Passa Quatro, tomou conhecimento da ocorrência, ratificando a voz de prisão em flagrante.

A arma e o veículo foram apreendidos, o dinheiro e o celular foram devolvidos a vítima.

Os indivíduos foram conduzidos a Cadeia Pública na cidade de São Carlos (Centro de Triagem), onde permaneceram presos à disposição da justiça. O menor foi encaminhado ao NAI na mesma cidade onde permaneceu apreendido.

Com informações: Osni Martins