Policiais da Atividade Delegada intensificam patrulhamento e fiscalização em trânsito e estabelecimentos
Patrulhamento e fiscalização Atividade Delegada em Porto Ferreira, SP. (Foto: CB PM Osni Martins)

Desde que foi implantada no município em 2014, a Atividade Delegada desenvolvida pela Polícia Militar de Porto Ferreira em parceria com a Prefeitura Municipal, vem trazendo excelentes resultados na Área de Segurança Pública.

Com a parceria, foi possível o aumento do efetivo policial nas ruas da cidade, aumentando-se assim a segurança da população ferreirense.

Os policiais além de exercerem a fiscalização em apoio ao Departamento da Prefeitura, também realizam abordagens, fiscalização de trânsito entre outras várias atividades relacionadas com o trabalho policial.

O que é?

Criada em 2009, a Atividade Delegada é um convênio entre o Estado e os municípios com o objetivo de permitir a utilização de policiais militares, em dias de folga, no policiamento ostensivo e no apoio às prefeituras nas atividades de fiscalização que são responsabilidade do município.

O processo para implantação da Atividade Delegada nos municípios é dividido em etapas, que compreendem a aprovação e regulamentação de leis autorizando o convênio com a Polícia Militar e a elaboração de um plano ação integrado.

A participação na Atividade Delegada é voluntária e os PMs só podem trabalhar até 96 horas por mês nessa função. Para os policiais, a atividade é uma oportunidade para complementar a renda, uma vez que são remunerados pelas prefeituras pelo serviço.

Os policiais que participam da Atividade Delegada cumprem escalas feitas pela PM, usam farda, viaturas, arma e colete de proteção da corporação e estão completamente protegidos diante de qualquer situação de risco, inclusive com seguro e assistência médica.

Para a população, o benefício está na redução da criminalidade. A presença ostensiva de policiais militares nos locais da Atividade Delegada, além de inibir o comércio clandestino, também evita a prática de crimes como roubos e furtos.

Em algumas regiões da capital paulista, por exemplo, onde a Atividade Delegada funciona desde 2009, os números de ocorrências criminais foram reduzidos em até 80%.

*Com informações: CB PM Osni – Relações Públicas e Assessoria de Imprensa da 4ª Cia do 38º BPM-I.

*Informações complementares: Blogspot da Prefeitura de Porto Ferreira.