Porto Ferreira participa de seminário técnico para municípios de interesse turístico
Ricardo Luis Patroni, Alexandre Vasconi e Maria Lucia Baltieri
AMITur - Assembleia Legislativa de São Paulo

Na terça-feira (14/08) ocorreu o Seminário Técnico para Municípios de Interesse Turísticos, promovido pela Associação dos Municípios de Interesse Cultural e Turístico (AMITur), na Assembleia Legislativa de São Paulo. O encontro tratou sobre o Fundo de Melhoria dos Municípios Turísticos, auxiliando os municípios que já possuem acesso ao recurso.

Até o momento 97 municípios foram aprovados pela comissão avaliadora e receberam o título de MIT (Município de Interesse Turístico). Outros 43 municípios também já foram aprovados, porém aguardam votação dos deputados para receberem o título e assim poder acessar os recursos provenientes do fundo.

O município de Porto Ferreira está entre os 43 aprovados que aguardam votação dos deputados. É importante ressaltar que a comissão avaliadora reprovou e devolveu para correções mais de 100 planos diretores de turismo, pois não estavam de acordo com a exigências técnicas para se enquadrarem como MIT. “Porto Ferreira, entretanto, obteve aprovação unânime do Plano Diretor de Turismo, sem nenhuma ressalva, comprovando a vocação turística do município e a competência da gestão atual no cumprimento das exigências técnicas para se alcançar este importante título para Porto Ferreira, que trará ainda mais desenvolvimento econômico e renda para os ferreirenses”, explicou a secretária de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Maria Lucia Baltieri, que esteve no evento acompanhada pelo chefe da Divisão de Turismo, Alexandre Vasconi, e pelo chefe de Divisão de Inovação e Desenvolvimento Econômico, Ricardo Luis Patroni.

Dos R$ 52 milhões disponíveis para os MITs, R$ 42 milhões não foram utilizados. Segundo a Amitesp, faltou agilidade e competência para os municípios acessarem o recurso. Fato este que levou Porto Ferreira a se adiantar ao processo, enviando os representantes da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, a fim de buscar informações do procedimento para acessar os recursos disponíveis do Fundo de Melhoria dos Municípios Turísticos, assim que o município vier a receber o título de MIT.