Secretaria de Saúde inclui cloroquina na relação de medicamentos para pacientes covid-19

A Secretaria de Saúde de Porto Ferreira incluiu a cloroquina no rol de medicamentos disponibilizados para uso na síndrome gripal e também na covid-19 em sua fase inicial, cuja dispensação se dará na Farmácia Municipal aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), mediante prescrição médica e a critério médico.

Dentro da semana que passou, o Dr. Carlos Eduardo Miguel da Silva, que atua na área de Infectologia da Vigilância Epidemiológica, instruiu à Secretaria de Saúde a inclusão da cloroquina no tratamento de pacientes suspeitos e positivados de covid-19, seguindo as orientações divulgadas em nota técnica pelo Ministério da Saúde.

O medicamento será distribuído na Farmácia Municipal juntamente com os demais fármacos já disponibilizados para tratamento precoce, que são: Prednisona (comprimido 20 mg); Azitromicina (comprimido 500 mg); Ivermectina (comprimido 6 mg); Dipirona Sódica (comprimido 500 mg) e Salbutamol Xarope (fr).

Importante ressaltar que a disponibilização desses medicamentos depende única e exclusivamente de prescrição médica, com a assinatura de termo de anuência do paciente.

A cloroquina, apesar da indicação pelo Ministério da Saúde no tratamento precoce e de experiências positivas em diversos casos, possui várias ressalvas de uso feitas pelo próprio órgão de saúde federal, referentes à condição do paciente e sobre interações medicamentosas, além de que nenhum estudo científico no mundo comprovou sua eficácia no tratamento de covid-19. Portanto, em caso de eventuais efeitos colaterais, o paciente deve estar ciente de que é responsável pelos riscos assumidos.

A Secretaria de Saúde de Porto Ferreira, na última semana, já iniciou o processo de aquisição deste medicamento.